Carteis

Cartéis

Diferentemente do grupo de estudos o cartel, porta de entrada para a Escola de Lacan, se constitui por um pequeno grupo, na medida certa: quatro pessoas mais uma, que se reúnem em torno de um tema. No cartel espera-se que os laços libidinais sejam investidos no trabalho e dirigidos a um tema, sendo que cada um deve, efetivamente, sustentar o grupo, e ao final, apresentar sua produção. Sendo o “MAIS UM(A) [pessoa] encarregada da seleção, da discussão e do destino reservado ao trabalho de cada um” (Lacan, abril, 1975).

 O Circuito Ponto de Estofo facilita a formação dos cartéis juntando os interessados em torno do tema e divulgando o trabalho, no entanto, previne que o cartel deverá ser inscrito em um dispositivo de “Escola”.